Conta de energia: consumidores devem se preparar para novo aumento de 6,78% a partir de setembro

Você deve ler

 

Com a crise hídrica, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou nesta terça-feira (31) que uma nova bandeira tarifária entrará em vigor a partir desta quarta-feira, dia 1º de setembro. O valor da bandeira de chamada de “escassez hídrica” será de R$ 14,20 a cada 100 quilowatts-hora (kWh). A medida ficará vigente até abril de 2022. Até agora, o sistema de bandeira era revisto mês a mês. 

Nesse cenário, a previsão da Agência é de que as contas de energias dos brasileiros sofram um aumento médio de 6,78% a partir de setembro. A nova tarifa se aplica a todos os consumidores, com exceção daqueles inscritos no programa Tarifa Social, que são cerca de 12 bilhões de brasileiros. 

O custo a mais é cobrado a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos e já havia sofrido um reajuste de 52% em julho. O último reajuste de julho também elevou o valor das bandeiras vermelha 1 e amarela. 

Uma das justificativas para o aumento é a crise hídrica que o Brasil vive, sendo uma das maiores em 91 anos. De acordo com a agência, os aumentos são necessários para garantir o fornecimento durante a crise hídrica que afetou os reservatórios das hidrelétricas, fazendo necessário o acionamento das térmicas, que possuem uma energia mais cara.

Via: Lindomar Rodrigues

Foto: Divulgação

#contadeenergia #consumidores #novoaumento #setembro

spot_img

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, escreva seu comentário!
Nome

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ
spot_img
PUBLICIDADES
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Anuncie a sua empre aqui

anuncie sua empresa aqui

Rádio

Rádio

Postagens Relacionadas

spot_img